Artigo original
Sonolência diurna e atenção em motoristas de ónibus urbanos de 2 capitais do Brasil
Daytime sleepiness and attention in city bus drivers of two capitals of Brazil
D. Brasil Santosa,, , , L. Gonçalves Bittencourtb, C.A. de Assis Viegasb,, E. Gaiob,
a Centro de Fisioterapia e Reabilitação, Hospital Universitário de Brasília, Universidade de Brasília, Brasília-Distrito Federal, Brasil
b Unidade de Pneumologia, Hospital Universitário de Brasília, Universidade de Brasília, Brasília-Distrito Federal, Brasil
Recebido 01 Agosto 2012, Aceitaram 17 Janeiro 2013
Resumo

O Brasil é um dos líderes mundiais em acidentes de trânsito. O presente artigo estudou a sonolência diurna excessiva de motoristas de transportes públicos de 2 capitais brasileiras, bem como seus níveis de atenção. O presente estudo foi do tipo descritivo transversal, com amostra de conveniência. Para avaliação foram utilizados: variáveis antropométricas, um Questionário de Sono, a Escala de Sonolência de Epworth (ESS), o Teste de Atenção Difusa (TADIM) e o Teste de Atenção Concentrada (TACOM-A). Foram avaliados 300 motoristas das cidades de Brasília e Florianópolis. A maior parte dos indivíduos apresentava sobrepeso e sonolência. A circunferência do pescoço foi menor em Brasília, onde os motoristas também eram mais sonolentos e apresentaram pior desempenho no TACOM-A. A análise de correlação foi significativa entre os testes de atenção e idade e entre índice de massa corporal (IMC) e ESS. Fatores como diferenças nas jornadas de trabalho, bem como diferenças no tráfego entre as 2 cidades podem estar associados aos nossos achados. Concluímos que a sonolência é fator de risco comum entre motoristas profissionais de ónibus e esta se correlacionou com o IMC, bem como a atenção também se correlacionou com a idade.

Abstract

Brazil is one of the world leaders on traffic accidents. The present article studied the excessive daytime sleepiness of public transport drivers in two Brazilian's capitals and their level of attention. It was conducted here a descriptive transversal study of a convenient sample. For the evaluation were used: anthropometric variables, a Sleep Questionnaire, Epworth Scale of Sonolency (ESS), Diffused Attention Test (TADIM), and Concentrated Attention Test (TACOM-A). There were evaluated 300 drivers from Brasilia and 104 from Florianopolis. The majority of the individuals were overweight and presented somnolence. The neck circumference was smaller in Brasília, where the drivers were also more sleepiness and presented worst attention on TACOM-A. The analysis of correlation was significant between attention tests and age and between BMI and ESS. Factors as differences in work journeys as well differences between the traffic in these two cities may be associated to our findings. We concluded that sleepiness is a common factor of risk between professional bus drivers and that was correlated with BMI, as well as the attention was correlated with age.

Palavras-chave
Distúrbios de sonolência excessiva, Atenção, Direção de automóveis, Transportes
Keywords
Disorders of excessive somnolence, Attention, Automobile driving, Transportation