Artigo Original\Original Article
Avaliação não invasiva da pressão venosa central por ecocardiografia em cuidados intensivos – Particularidades nos doentes com dilatação do ventrículo direito e exacerbação de doença pulmonar crónica
Non invasive evaluation of central venous pressure using echocardiography in the intensive care – Specific features of patients with right ventricular enlargement and chronic exacerbated pulmonary disease
Paulo Marcelino1,, , Alexandra Borba2, Ana Paula Fernandes1, Susan Marum1, Nuno Germano3, Mário G. Lopes4
1 Assistente Hospitalar de Medicina Interna, subespecialista de Medicina Intensiva / Hospital Assistant, Internal Medicine, sub-speciality Intensive Medicine
2 Interna do Internato Complementar de Pneumologia / Intern, Complementary Internship, Pulmonology, Hospital de Curry Cabral, Unidade de Cuidados Intensivos e Centro de Cardiologia da Universidade de Lisboa (CCUL)
3 Assistente Eventual de Medicina Interna / Future Assistant, Internal Medicine, Hospital de Curry Cabral, Unidade de Cuidados Intensivos e Centro de Cardiologia da Universidade de Lisboa (CCUL)
4 Professor Agregado da Faculdade de Medicina de Lisboa, chefe de Serviço de Cardiologia, director do Serviço de Cardiologia do Hospital de Santa Maria, Lisboa / / Institute Professor, Lisbon University School of Medicine, Head, Cardiology Unit, Director, Cardiology Unit, Hospital de Santa Maria, Lisbon
Received 19 July 2006, Accepted 29 August 2006
Resumo

Objectivos: Determinar a possibilidade de avaliação não invasiva da pressão venosa central (PVC) através da análise da veia cava inferior (VCI), obtida por ecocardiografia transtorácica (ETT).

Desenho: Estudo prospectivo com 3 anos de duração.

Local: Unidade de Cuidados Intensivos Polivalente (UCIP) de 16 camas.

Métodos: Estudados doentes admitidos numa UCIP nos quais se avaliou a PVC em simultâneo com exame ETT que, para além da visualização da VCI, consistiu na obtenção da dimensão das cavidades cardíacas e função sistólica do ventrículo esquerdo. Para a correlação foram utilizados testes estatísticos paramétricos e não paramétricos.

Resultados: Admitidos 560 doentes com registo simultâneo de PVC e ETT e incluídos 477 doentes em que foi possível visualizar a VCI, com idade média de 62,6±±17,3 anos, média de internamento de 11,9±18,7 dias, um índice APACHE II médio de 23,9±8,9 e SAPS II médio de 55,7±20,4. Por análise de regressão linear verificou-se uma relação entre a PVC e a dimensão máxima da VCI (p=0,013), o índice da VCI (p=0,001) e a presença de ventilação mecânica (p=0,002). A correlação linear entre a PVC e a dimensão máxima da VCI e respectivo índice foi de 0,34 e 0,44. Por teste de qui-quadrado, verificou-se uma relação estatisticamente significativa entre os seguintes intervalos de valores: índice da VCI >25% e PVC<13mmHg; índice da VCI entre 26 e 50% e PVC entre 8 e 12mmHg; índice da VCI<51% e PVC<7mmHg; dimensão máxima da VCI<20mmHg e PVC<13mmHg; dimensão máxima da VCI<10mm e PVC<7mmHg. Nos doentes com dilatação do ventrículo direito (VD) observou-se uma relação mais fraca entre a PVC >7mmHg e a dimensão máxima da VCI >10mm; nos doentes admitidos por exacerbação de doença pulmonar crónica verificou-se uma correlação fraca entre a PVC >7mmHg e o índice da VCI<50%. A dimensão máxima da VCI, mas não o seu índice, correlacio-nou-se com a dilatação do VD e AD.

Conclusões: A análise da VCI por ETT revelou-se útil na avaliação qualitativa da PVC em doentes admitidos numa UCIP. Em doentes com dilatação do VD e admitidos por exacerbação de doença pulmonar crónica, os métodos avaliados não foram fidedignos para valores baixos de PVC. A dilatação da VCI traduz melhor a cronicidade da doença, enquanto o índice da VCI reflecte melhor o estado de volemia.

Rev Port Pneumol 2006; XII (6): 637-658

Abstract

Objectives: To determine the possibility of non-invasive estimation of central venous pressure (CVP) through inferior vena cava (IVC) analysis, using transthoracic echocardiography (TTE).

Design: A prospective 3-year study.

Setting: A 16-bed medical/surgical Intensive Care Unit (ICU).

Methods: Patients admitted to the ICU were enrolled. CVP measurement and TTE (determining cardiac chambers dimension and left ventricular shortening fraction) with IVC analysis (maximum dimension and IVC index) were performed simultaneously. Parametric and non-parametric statistical analysis was performed to establish correlations between variables. Results: 560 patients were admitted to the study, including 477 in whom IVC was analysed, aging 62.2±17.3years, a mean ICU stay 11.9±18.7days, a APACHE II score 23.9±8.9 and a SAPS II score 55.7±20.4. Through linear regression analysis CVP was influenced by IVC index (p=0.001), IVC maximum dimension (p=0.013) and presence of mechanical ventilation (p=0.002). A statistically significant correlation was found between the following parameters: an IVC index>25% and a CVP <13mmHg; an IVC index and a CVP 26%-50%; an IVC index <51% and CVP>7mmHg; an IVC maximum dimension<20mm and a CVP <13mmHg; an IVC maximum dimension >10mmHg and CVP>7mmHg. Patients with right ventricle enlargement presented a lack of agreement between IVC maximum dimension and CVP<7mmHg was observed, and in patients with chronic respiratory failure (who presented a high prevalence of right ventricular enlargement) a lack of agreement between IVC index <50% and CVP>7mmHg was also observed.

Conclusions: IVC analysis is a possible way to noninvasively estimate CVP in a medical/surgical ICU. However, patients with right ventricular enlargement and admitted with chronic respiratory failure present a lack of agreement between IVC parameters and low values of CVP. IVC dimension is a marker of chronic disease and IVC index correlated better with CVP.

Rev Port Pneumol 2006; XII (6): 637-658

Palavras-chave
Pressão venosa central, ecocardiografia, cuidados intensivos, doença pulmonar crónica
Key-words
Echocardiography, intensive care, central venous pressure, inferior vena cava, chronic respiratory failure
Journal: Non invasive evaluation of central venous pressure using echocardiography in the intensive care – Specific features of patients with right ventricular enlargement and chronic exacerbated pulmonary disease

This article belongs to the Journal: Pulmonology

Metrics

  • Impact Factor: 1.731(2017)
  • 5-years Impact Factor: 1,334
  • SCImago Journal Rank (SJR):0,342
  • Source Normalized Impact per Paper (SNIP):549